Medicina Especialidade Pediatria

O pediatra deve trabalhar com elevado grau de suspeita de imunodeficiências, de modo que elas sejam diagnosticadas precocemente, para que o tratamento seja instituído antes de surgirem lesões irreversíveis. Por exemplo, casos de febres ou infecções recorrentes na criança, que representem dilemas diagnósticos de difícil solução. Crianças com manifestação clínica de alguma doença imune, ou que apresentem infecções de etiologia rara, sejam crônicas ou recorrentes, requerem avaliação ampla de sua imunidade. A partir dessas informações, assinale a opção correta.

  • A.

    Candidíase muco-cutânea, de morbidade elevada, é expressão de hepatopatias autoimunes.

  • B.

    Na criança portadora de deficiência de anticorpos, as infecções são mais graves que naquelas que apresentam deficiência de linfócitos-T.

  • C.

    A síndrome de Wiskott Aldrich se caracteriza por trombocitose e plaquetas de diâmetro aumentado.

  • D.

    A agamaglobulinemia ligada ao cromossoma X se associa à diminuição de hormônio tireoidiano.

  • E.

    A deficiência dos componentes C6, C7 e C8 do complemento frequentemente se relaciona a quadro de meningite recorrente por bactéria do grupo Neisseria.