Questões de Concurso de Proctologia - Medicina

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 639582

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 31

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Considerando a anatomia e a fisiologia do canal anal e do assoalho pélvico, é correto afirmar que

  • A.

    o músculo puborretal é parte do anel anorretal.

  • B.

    o canal anal acima da linha pectínea é revestido por epitélio estratificado queratinizado.

  • C.

    o canal anal acima da linha pectínea tem inervação fundamentalmente sensitiva somática.

  • D.

    o canal anal anatômico se estende do anel anorretal até a linha pectínea.

  • E.

    o músculo puborretal é um músculo liso e a sua contração é voluntária.

Questão 639583

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 32

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Em relação à anatomia e à fisiologia do reto, do canal anal e do assoalho pélvico, é correto afirmar que

  • A.

    O esfíncter externo tem contração involuntária.

  • B.

    O músculo esfíncter externo é constituído de fibras musculares lisas e estriadas.

  • C.

    O músculo esfíncter interno é o principal responsável pela pressão de repouso do canal.

  • D.

    O canal anal abaixo da linha pectínea não tem inervação sensitiva somática.

  • E.

    A distensão da ampola retal por fezes leva à contração do esfíncter interno.

Questão 639584

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 33

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

O canal é a porção terminal do intestino grosso, podendo ser classificado em anatômico e funcional, cuja definição baseia-se no limite proximal ou cranial. O limite cranial do canal funcional é

  • A.

    a segunda válvula retal.

  • B.

    a linha denteada.

  • C.

    a junção retosigmoidiana.

  • D.

    o anel anorretal.

  • E.

    a reflexão peritoneal.

Questão 640508

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 34

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Considerando a irrigação arterial, a drenagem venosa e a inervação do reto e do canal anal, assinale a opção correta.

  • A.

    A drenagem venosa do reto é feita principalmente para a veia ilíaca.

  • B.

    A artéria retal superior é ramo da artéria ilíaca interna.

  • C.

    A irrigação arterial do reto é feita principalmente pela artéria retal média.

  • D.

    A inervação simpática do canal origina-se das raízes s2, s3 e s4 do plexo sacral.

  • E.

    A drenagem venosa do canal abaixo da linha pectínea é feita principalmente para as veias ilíacas internas.

Questão 640509

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 35

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Assinale a opção correta em relação à anatomia e à fisiologia dos cólons.

  • A.

    O cólon sigmoide é completamente revestido por duas camadas musculares, uma circular interna e uma longitudinal externa, e não apresenta tênias.

  • B.

    O cólon descendente é completamente intraperitoneal.

  • C.

    O cólon ascendente é todo recoberto por peritônio.

  • D.

    A principal função do cólon direito é o armazenamento de fezes.

  • E.

    O cólon ascendente recebe inervação parassimpática pelo nervo vago.

Questão 640510

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 36

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Texto para as questões de 36 a 39

Um paciente, com sessenta anos de idade, apresenta um adenocarcinoma na junção retossigmoidiana. O resultado do hemograma é normal e não há alterações das proteínas plasmáticas. O paciente não faz uso contínuo de medicações. Ao exame clínico e na avaliação pré-operatória, não foram constatadas doença metastática nem comorbidades.

Com base no caso clínico apresentado, assinale a opção que contém a conduta mais importante para diminuir a infecção do sítio cirúrgico.

  • A.

    jejum pré-operatório de, pelo menos, doze horas.

  • B.

    internação do paciente, pelo menos, três dias antes da operação

  • C.

    preparo de cólon, com uso de manitol a 20%

  • D.

    uso de antibiótico profilático

  • E.

    tricotomia na véspera da operação

Questão 640511

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 37

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Texto para as questões de 36 a 39

Um paciente, com sessenta anos de idade, apresenta um adenocarcinoma na junção retossigmoidiana. O resultado do hemograma é normal e não há alterações das proteínas plasmáticas. O paciente não faz uso contínuo de medicações. Ao exame clínico e na avaliação pré-operatória, não foram constatadas doença metastática nem comorbidades.

Assinale a opção que contém uma conduta que não pode ser negligenciada no pré-operatório do paciente apresentado.

  • A.

    profilaxia para trombose venosa profunda com heparina

  • B.

    uso de nutrição parenteral total

  • C.

    uso de broncodilatador para diminuir o risco de atelectasia

  • D.

    hidratação vigorosa na véspera da operação

  • E.

    uso de vitamina C, pelo menos, por uma semana antes da operação

Questão 640512

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 38

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Texto para as questões de 36 a 39

Um paciente, com sessenta anos de idade, apresenta um adenocarcinoma na junção retossigmoidiana. O resultado do hemograma é normal e não há alterações das proteínas plasmáticas. O paciente não faz uso contínuo de medicações. Ao exame clínico e na avaliação pré-operatória, não foram constatadas doença metastática nem comorbidades.

Assinale a opção que contém a conduta recomendada para acelerar a recuperação pós-operatória do paciente em questão.

  • A.

    uso de antiinflamatórios não esteroides nos períodos pré e pósoperatório

  • B.

    hiper-hidratação durante a operação e no pós-operatório imediato

  • C.

    hiper-hidratação com solução salina hipertônica na véspera da operação

  • D.

    diminuir o tempo de jejum pré-operatório e realimentação precoce no período pós-operatório

  • E.

    uso de corticosteroide nos períodos pré e pós-operatório

Questão 640513

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 39

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Texto para as questões de 36 a 39

Um paciente, com sessenta anos de idade, apresenta um adenocarcinoma na junção retossigmoidiana. O resultado do hemograma é normal e não há alterações das proteínas plasmáticas. O paciente não faz uso contínuo de medicações. Ao exame clínico e na avaliação pré-operatória, não foram constatadas doença metastática nem comorbidades.

Assinale a opção correta a respeito do acesso cirúrgico para o caso clínico descrito.

  • A.

    No acesso laparotômico, a anastomose feita por sutura manual é mais segura.

  • B.

    No acesso laparoscópico, não é possível realizar a anastomose por sutura mecânica.

  • C.

    O acesso laparoscópico aumenta o risco de complicações respiratórias e cardiovasculares.

  • D.

    O acesso por laparotomia apresenta melhores resultados oncológicos.

  • E.

    O acesso laparoscópico exige uma incisão para retirada da peça cirúrgica.

Questão 641725

Secretaria de Estado da Saúde - ES (SESA/ES) 2013

Cargo: Médico - Área Proctologia / Questão 40

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Uma mulher de cinquenta e cinco anos de idade vem apresentando sangramento por via retal de forma intermitente e sem repercussão hemodinâmica. O resultado do exame proctológico da paciente foi normal. Nesse caso, o exame recomendado para auxiliar no diagnóstico é

  • A.

    cintilografia com hemácias marcadas.

  • B.

    enema opaco.

  • C.

    arteriografia.

  • D.

    colonoscopia.

  • E.

    ecografia abdominal.