Medicina Especialidade Psiquiatria

Com relação aos transtornos de ansiedade, é correto afirmar que:

  • A.

    As taxas de comorbidade são altas entre os pacientes com transtorno de estresse pós-traumático, com cerca de um terço tendo pelo menos dois outros transtornos. Condições associadas incluem transtorno depressivo, transtorno relacionado a substâncias, esquizofrenia, outros transtornos de ansiedade.

  • B.

    A prevalência durante a vida do transtorno obsessivo-compulsivo na população geral é estimada em 2 a 3%. Entre os adultos, as mulheres e os homens têm probabilidade igual de serem afetados, mas, entre adolescentes, as meninas são as mais afetadas.

  • C.

    Há grande associação entre o prolapso da válvula mitral e o transtorno de pânico. Os estudos verificaram que a prevalência de transtorno de pânico em pacientes com prolapso da válvula mitral é muito maior quando comparada com a prevalência do transtorno de pânico em pacientes sem a condição.

  • D.

    Segundo os critérios do DSM-IV-TR, o transtorno de estresse pós-traumático é considerado agudo se a duração dos sintomas for inferior a 6 meses; crônico se a duração dos sintomas for superior a seis meses; e com início tardio se o início dos sintomas ocorrer pelo menos 1 ano após o estressor.

  • E.

    A fobia específica é mais comum do que a social; é o transtorno mais comum entre as mulheres e o segundo mais comum entre os homens, atrás apenas do transtorno por uso de drogas. A razão mulher para homem é de cerca de 2 por 1, embora seja mais próxima, de 1 para 1, para medo de sangue, injeção ou lesões.