Medicina Especialidade Psiquiatria

Os antipsicóticos atuam em diversos neuroreceptores. O receptor mais importante no controle dos sintomas positivos da esquizofrenia e as vias neuronais envolvidas nos efeitos terapêuticos dos neurolépticos são, respectivamente:

  • A.

    ação parcial dopaminérigica em D4; vias histaminérgicas e mesocorticais.

  • B.

    ação dopaminérgica D1, D2, D4 e D5; vias adrenérgicas e límbicas.

  • C.

    agonista dopaminérgico em D4; vias mesolímbicas e mesocorticais.

  • D.

    agonista dopaminérigo em D2; vias nigroestriatais e mesocorticais.

  • E.

    antagonismo dopaminérgico D2; vias mesolímbicas e mesocorticais.