Medicina Especialidade Psiquiatria

Uma mulher de 45 anos evita contatos pessoais há mais de 30 anos. Sempre foi considerada tímida e esquiva, com grande ansiedade antecipatória quando precisa sair de casa. Já teve vários episódios de pânico com agorafobia. Descobriu que um benzodiazepínico (lorazepan) que a mãe tomava ajudavaa a controlar a ansiedade e a reduzir os outros sintomas. Começou tomando 02mg/dia. Há cinco anos, usava 08 mg/d. Atualmente, faz busca ativa do mesmo; e chega a consumir 16mg num único dia. Mas mal consegue dormir. Qual a conduta indicada para ela?

  • A.

    Trocar por um medicamento da mesma classe, com meiavida mais longa.

  • B.

    Associar um antidepressivo de efeito bastante sedativo.

  • C.

    Retirar gradualmente o benzodiazepínico em uso.

  • D.

    Internação para desintoxicação.

  • E.

    Associar zolpidem.