Medicina Especialidade Psiquiatria

A terapia cognitivo-comportamental (TCC) é uma modalidade psicoterápica desenvolvida por Aaron Beck no início da década de 1960 e que tem objetivos e técnicas bem estabelecidas no tratamento de diferentes condições clínicas. Com relação ao processo terapêutico no TCC, é correto afirmar:

  • A.

    É uma abordagem focal breve que visa identificar e modificar comportamentos disfuncionais a partir das técnicas de recondicionamento.

  • B.

    Na depressão, por ser uma condição clínica grave e comumente recorrente, torna-se necessário um processo mais longo com a identificação de conflitos inconscientes que possam ser determinantes de recaídas e cronificação.

  • C.

    É uma técnica bastante eficaz no tratamento dos casos de crianças e adolescentes com o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade, podendo substituir o uso da medicação psicoestimulante.

  • D.

    É uma técnica pouco eficaz em transtornos depressivos, uma vez que a base principal dessa condição clínica é a alteração de objetos internalizados e a vivência do luto em relação a perda desses objetos, sendo primordial a técnica do insight como forma de proporcionar a cura definitiva.

  • E.

    Dentre as diferentes etapas do processo terapêutico existe o momento no qual se explica ao paciente o modelo cognitivo, o que são pensamentos automáticos e como identificá-los. Quando o paciente se torna capaz de identificar um pensamento disfuncional, ele também consegue modificá-los, o que gera alívio dos sintomas.