Medicina Especialidade Psiquiatria

A atenção pode ser definida como a direção da consciência, o estado de concentração da atividade mental sobre determinado objeto. Sabe-se que a atenção está quase sempre alterada nos transtornos mentais graves. Sobre a atenção, é INCORRETO afirmar que:

  • A.

    Nos quadros depressivos, geralmente, há diminuição geral da atenção, ou seja, hipoprosexia.

  • B.

    No TOC, há atenção ou vigilância excessiva e desregulada. O paciente demonstra alterações no controle executivo (funções frontais), na memória de trabalho e na seleção de respostas.

  • C.

    Na esquizofrenia, o déficit de atenção é central. Os pacientes apresentam grande dificuldade com a atenção central, por forte tendência à distraibilidade.

  • D.

    Nos quadros maníacos, há diminuição da atenção voluntária e aumento da atenção espontânea, com hipovigilância e hipertenacidade.