Medicina Especialidade Psiquiatria

A cocaína é uma droga com fortes propriedades estimulantes. O crack é basicamente uma nova forma de apresentação e administração da cocaína. Sobre a cocaína e seus derivados é correto afirmar que:

  • A.

    O uso prolongado dessas drogas leva ao aumento de dopamina na sinapse, em decorrência do aumento de sua degradação e do envio de estímulos de liberação mais intensos ao organismo.

  • B.

    A ação da cocaína é preferencialmente dopaminérgica, não influindo no bloqueio de receptação de serotonina e noradrenalina.

  • C.

    O usuário de cocaína e crack não utiliza outras drogas, nem mesmo para minimizar a abstinência ou atenuar efeitos indesejáveis do consumo, o que possibilita padronizar o tratamento.

  • D.

    Com o uso crônico, há redução do limiar de convulsibilidade ás expensas da sensibilidade neuronal (kindling), uma propriedade epileptogênica da cocaína, atribuída ao seu componente anestésico.